Eleições italianas: cidadania também é ter posição

Olá!

Hoje eu gostaria de falar um pouco sobre as próximas eleições italianas, em especial sobre o caminho que eu fiz para definir quem será meu candidato.

Como muitos provavelmente sabem, o voto na Itália não é obrigatório e esta regra também vale para os eleitores no exterior.

Diante disso, um ítalo-brasileiro como eu pode não ter a menor vontade de votar. É só olhar para a política brasileira, por exemplo. Parece que não há luz no fim do túnel.

Com a grande bipolarização política no Brasil, que gera brigas até mesmo entre familiares, eu sempre optei por não declarar meu voto. Avaliava os candidatos, escolhia aquele que fazia mais sentido em cada cargo para o país (sob a minha ideia de país ideal) e exercia meu dever e direito como cidadão brasileiro: o voto.

Para as eleições italianas, porém, a relação com o voto surgiu de forma diferente. Eu sempre vi um governo italiano que pouco olha para seus “filhos” que moram no exterior. Até 2017, porém, eu era um descendente ainda não reconhecido como italiano. Me sentia pouco representado, com uma classe política que não significava muito para nós.

Com o reconhecimento da minha cidadania italiana, me sentia finalmente com voz para tentar mudar esse cenário. Não há fórmulas mágicas, mas uma mudança, ainda que lenta, tem que começar urgentemente.

A esperança neste cenário não está nos partidos que hoje dominam a política por lá. Uma possível faísca no escuro pode ser a representação civil, que é uma possibilidade nas eleições da Itália.

As eleições para o parlamento italiano são feitas através das chamadas listas, como explico aqui. A diferença mais interessante, porém, se dá pela possibilidade de formação de listas cívicas, ou seja, sem a exigência de que seus membros tenham filiação partidária.

Há algumas regras, porém. Uma das principais exigências é o apoio de pelo menos 500 eleitores italianos devidamente registrados na mesma região em que a lista estará concorrendo.

Qual opção escolher e por que pode significar uma mudança positiva?

Esta é uma decisão pessoal, já que cada um define suas prioridades e o que espera de um país. O candidato que for mais compatível com este cenário é a escolha adequada.

Pensando nisso, tive uma grata surpresa há algumas semanas. Um conhecido já de alguns anos, hoje amigo próximo, resolveu continuar a trajetória quase natural de sua vida e abraçar o parlamento.

Daniel Taddone. Candidato a deputado no parlamento italiano em 2018.
Daniel Taddone. Candidato a deputado no parlamento italiano em 2018.

Daniel Taddone é sociólogo pela USP e pós-graduado em Arquivística na mesma instituição. Nasceu num dos bairros mais italianos da cidade de São Paulo, a Mooca, e participa da comunidade italiana desde uns 14 anos de idade.

Taddone já foi funcionário consular italiano em São Paulo e Recife e é apaixonado por genealogia, história e temas relacionados. É também um viciado em aprender línguas, sabendo de latim a espanhol.

Ele ajuda os descendentes, reconhecidos ou não, desde 1997. Muita gente só descobriu a origem de seus antepassados pelas mãos do habilidoso pesquisador que ele é. Na época do Orkut e seus fakes divertidos, Taddone ajudou muita gente que nem o conhecia pessoalmente.

Ele é, pelo que pude analisar neste tempo de amizade e também pelo que conheço de sua trajetória, a melhor opção que nós temos no Brasil para uma cadeira de deputado. Pode ser que não faça tudo que a gente espere? Acho pouco provável, mas pode ocorrer. Há certeza, porém, de que ele se esforçará ao máximo em prol da nossa comunidade.

UNITAL - Unione Tricolore America Latina
UNITAL – Unione Tricolore America Latina. Guarde este símbolo! Ele será a representação da lista na cédula de votação. Os direitos autorais desta imagem pertencem à UNITAL.

A lista cívica em que o Daniel resolveu participar é a UNITAL (Unione Tricolore America Latina), que participará do pleito pela primeira vez. Por ser uma lista cívica, como já contei neste texto, ela precisa de pelo menos 500 assinaturas de apoiadores. Este apoio é apenas quanto à criação da lista, não gerando nenhum vínculo de voto. Todas as assinaturas devem ser feitas perante um funcionário consular italiano.

Nesta quinta-feira (18/01/2018), tivemos o primeiro dia de coleta de assinaturas. Fui ao consulado italiano em São Paulo e o procedimento não demora nem 10 minutos.

Os próximos dias e locais para coleta de assinaturas (definidos até então) são os seguintes:

  • São Paulo

19/01 – sexta-feira, das 8:30 às 12:30.

20/01 – sábado, das 9:00 às 13:00 e das 15:00 às 18:00.

22/01 –  segunda-feira, das 8:30 às 12:30.

  • Curitiba

20/01 – sábado, das 9:00 às 18:00.

21/01 – domingo, das 9:00 às 18:00.

22/01 – segunda-feira, das 8:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00.

  • Rio de Janeiro

19/01 – sexta-feira, das 13:00 às 20:00.

  • Recife

19/01 – sexta-feira, das 9:30 às 13:00.

20/01 – sábado, das 9:00 às 14:00.

Requisitos para assinar a lista:

  • Cidadão italiano já reconhecido;
  • Inscrito no AIRE;
  • Apresentar documento de identificação (RG brasileiro, passaporte brasileiro ou passaporte italiano, por exemplo) em bom estado;
  • Não é possível assinar por terceiros.

E é isso! Acredito que podemos fazer alguma coisa para sacudir a representação que temos hoje no parlamento e votarei no Taddone com este propósito. O procedimento para votação, aliás, eu já expliquei aqui. A data oficial das eleições é 4 de março, mas o voto no exterior acontecerá em meados de fevereiro.

Para conhecer mais sobre o Daniel, além de ler suas propostas, acesse seu site ou sua página no Facebook.

Bora ajudar nessa mudança?

Arrivederci! 🙂

 

Publicado por

Adriano Donato Couto

Ítalo-brasileiro nascido em Minas Gerais, morando atualmente na região de Lisboa. Desenvolvedor de software. Italo-brasiliano nato a Minas Gerais. Abita attualmente a Lisbona (Portogallo). Sviluppatore di software. Italian-Brazilian that was born in Minas Gerais (Brazil). Living in Lisbon currently. Software developer.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s